Gestão

Sistema Único de Saúde – SUS do lindo sonho a dura realidade

Por Roberta Massa | 10.07.2011 | 1 comentário

Publicidade

Inicio o artigo de hoje pedindo desculpas pela minha ausência, a verdade é que a finalização da graduação trouxe muita alegria, más também gerou muitas preocupações relacionadas a minha carreira profissional, enfim, com o tempo estou me organizando e rapidamente acertarei essa situação.

Nas últimas semanas um assunto foi destaque em todos os sites de saúde que costumo navegar, o novo Decreto 7508/11 DOU-28/06/2011 publicado pela nossa presidenta Dilma Rousseff, que se trata da ampliação de acesso a saúde com novo modelo de gestão do SUS.

O novo decreto de contrato de ação pública enfatiza que todas as esferas de governo (municípios, estados e união) terão suas atribuições e responsabilidades, tanto administrativas como operacionais e financeiras na prestação de serviços na Saúde.

O contrato de ação pública, além de propiciar maior controle na gestão dos serviços de saúde, também irá gerar estímulos financeiros aos municípios que apresentarem um desempenho significativo nos programas de ação a  Saúde desenvolvida na região. O decreto enfatiza a importância da assistência regionalizada através das unidades básica de saúde e pelo programa de saúde da família.

Acredito que  o decreto proporcionará maior controle para a gestão destes serviços, porém estão ação sozinha não irá acabar com as longas horas de espera para atendimento nos hospitais.

Não podemos esquecer a falta de equipamentos para realização de exames, e o grande descaso da falta de leitos UTI em todo o Brasil. Sem contar a gestão incapaz e pouco profissionalismo, inclusive por parte da equipe médica.

Quem não ouviu falar do caso das denúncias no Hospital Geral da Cachoeirinha e Hospital Geral de Sorocaba, que resultou no pedido de demissão do Secretário de Esporte do Estado de São Paulo o médico Jorge Pagura?

Para uma mudança geral no sistema é necessário uma grande reforma  no sistema único de saúde, não adianta colocarmos inúmeras ferramentas de controle e gestão e mantermos as mesmas pessoas para controlá-las.

Os incentivos financeiros não devem ser aplicados somente nas estruturas físicas de atendimento, é necessária uma mudança na administração das pessoas que trabalham neste sistema.

A maioria dos funcionários, devido ao desgaste causado pelo sistema e pela estabilidade na função realiza seu trabalho de maneira automatizada, muito distante de ser  um atendimento humanizado e esquecendo completamente os princípios do sistema único de saúde – SUS.

Ao visitar hoje um hospital público, tenho a impressão de que estou numa repartição pública, com funcionários carrancudos e mal humorados o inverso do que o ambiente hospitalar necessita.

O Brasil necessita que a Universalidade, Integralidade e Equidade saiam de uma vez por todas do papel e se tornem algo palpável através do sistema único de saúde, somente desta maneira poderemos dizer que nosso atendimento chegará próximo ao ideal.

Até a próxima!

Compartilhe!
  • A SAÚDE BRASILEIRA ESTÁ MESMO UM CACO, ONTEM ESTIVE NO HOSPITAL PARADA DE TAIPAS PARA NOVAMENTE PASSAR NO OTORRINOLARINGOLOGISTA POR CAUSA DE UM ZUMBIDO QUE TENHO NA CABEÇA, LEVEI RESULTADOS DOS EXAMES DE SANGUE, AUDIOMETRIA E DIABETES, NENHUM DOS EXAMES DEU UM RESULTADO SEVERO, MAS O MÉDICO QUE ME ATENDEU DR. LUCAS BISSACOTT (O QUAL NO CARIMBO NÃO CONSTA QUE É OTORRINO), QUERIA MARCAR RETORNO PARA DAQUI 4 MESES SEM TER REALMENTE DESCOBERTO A CAUSA DO ZUMBIDO E ME PASSOU UM PERIGOSO ANTI DEPRESSIVO DE NOME AMITRIPTILINA, SENDO QUE DEPRESSÃO NADA TEM A VER COM O FATO DE EU NÃO CONSEGUIR DORMIR POR CAUSA DO ZUMBIDO NA CABEÇA, SEGUE PARTE DAS REAÇÕES ADVERSAS DE TAL MEDICAMENTO: Reações adversas / Efeitos colaterais de Amitriptilina CARDIOVASCULARES: HIPOTENSÃO, HIPERTENSÃO, TAQUICARDIA, PALPITAÇÃO, SÍNCOPE, INFARTO DO MIOCÁRDIO, ARRITMIAS, BLOQUEIO CARDÍACO, ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL, ALTERAÇÕES NÃO ESPECÍFICAS NO ECG E ALTERAÇÕES NA CONDUÇÃO AV. RELACIONADAS AO SNC E NEUROMUSCULARES: ESTADOS CONFUS IONA I S, DI S TÚRB IOS DE CONCENTRAÇÃO, DESORIENTAÇÃO, DELÍRIOS, ALUCINAÇÕES, EXCITAÇÃO, ANSIEDADE, INQUIETAÇÃO, SONOLÊNCIA, INSÔNIA, PESADELOS, TORPOR, FORMIGAMENTO E PARESTESIAS DAS EXTREMIDADES, NEUROPATIA PERIFÉRICA, FALTA DE COORDENAÇÃO, ATAXIA, TREMORES, COMA, TONTURAS, ALTERAÇÃO DOS TRAÇADOS DO EEG, SINTOMAS EXTRAPIRAMIDAIS (INCLUINDO MOVIMENTOS INVOLUNTÁRIOS ANORMAIS E DISCINESIA TARDIA), DISARTRIA E ZUMBIDOS ( ME PASSOU UM REMÉDIO PARA MEU ZUMBIDO, QUE PODE CAUSAR MAIS ZUMBIDO AINDA?????). E A LISTA DE REAÇÕES ADVERSAS É BEM MAIOR, PODENDO ATÉ VIR A CAUSAR MORTE DO PACIENTE.

    EU ENTÃO FALEI QUE QUERIA UM EXAME DE ELETROENCEFALOGRAMA PARA ELIMINAR A POSSIBILIDADE DE SER ALGO DENTRO DA CABEÇA, MAS A MÉDICA CHEFE DO SETOR QUE FOI CHAMADA PARA RESOLVER O PROBLEMA POIS O ATENDIMENTO ESTAVA MUITO DEMORADO, (ELE NÃO CONSEGUIU SE LIVRAR DE MIM TÃO RÁPIDO QUANTO QUERIA)TEVE A CARA DE PAU DE DIZER QUE NÃO PODIA PEDIR ESSE EXAME PARA MIM PORQUE ELE CUSTA MUITO CARO, CUSTA R$ 1.000,00, E EU DISSE A ELA QUE PAGUEI 35 ANOS DE INSS FORA OS IMPOSTOS, CREIO TER PAGO VÁRIAS VEZES POR ESSE EXAME E TER DIREITO A ELE PARA ELIMINAR TODAS AS POSSIBILIDADES DO ZUMBIDO, JÁ QUE JÁ DEI MUITO DINHEIRO AO NOSSO GOVERNO, ENTÃO CHEGUEI A CONCLUSÃO QUE ELES NÃO QUEREM DESCOBRIR REALMENTE A CAUSA DO ZUMBIDO. AÍ DEPOIS DE MUITO DEBATE, ELA DISSE QUE PEDIRIA UM EXAME DE BERA QUE PELAS PESQUISAS NADA MAIS É DO QUE UM COMPLEMENTO DA AUDIOMETRIA, E QUE SE REALMENTE MEU PROBLEMA FOR ALGUM ABCESSO NA CABEÇA ESSE EXAME NÃO VAI DIZER. A PRIMEIRA VEZ QUE ESTIVE NO HOSPITAL PARADA DE TAIPAS COM MARCAÇÃO PARA OTORRINO DRA. LIGIA I NOBREGA, FUI NA REALIDADE ATENDIDA POR DR. SAULO L. OLIVEIRA E DRA. ELIDIA RODRIGUES CAMPOS, NENHUM DOS DOIS COM CARIMBO DE OTORRINO, TENHO A IMPRESSÃO QUE O MÉDICO DO POSTINHO ME ENCAMINHOU PARA UM OTORRINO QUE DEVERIA SER DRA. LIGIA I NOBREGA, MAS ATÉ AGORA EU SÓ FUI ATENDIDA POR CLINICOS GERAIS. AGORA DE VOLTAR LÁ DIA 07/02 PARA FAZER O BERA, DEPOIS VAMOS VER NO QUE DÁ, CONTINUAREI PUBLICANDO NA NET O ANDAMENTO DO MEU ATENDIMENTO.

    ENTÃO MEUS AMIGOS POR TUDO ISSO É QUE EU DIGO QUE A SAÚDE BRASILEIRA ESTÁ UM CACO, OS MÉDICOS NÃO TEM VONTADE DE DESCOBRIR A CAUSA DO PROBLEMA DO PACIENTE, ELES QUEREM SIMPLESMENTE SE LIVRAR DELES O MAIS RÁPIDO POSSÍVEL, POR ISSO É BOM LER A BULA DOS REMÉDIOS QUE ELES PASSAM SEM SABER O QUE REALMENTE VOCÊ TEM POIS PODE SER UM MEIO DE SE LIVRAR DE PACIENTES QUE ESPERAM SOLUÇÃO E NÃO ENROLAÇÃO.