Gestão

Gestão de Projetos: mais uma ferramenta de eficácia na área da Saúde

Por Roberta Massa B. Pereira | 15.06.2015 | 1 comentário

Publicidade

Para se adaptar as mudanças econômicas do mercado e manter-se competitiva, a área da saúde busca constantemente a melhoria continua dos seus processos.

Os pacientes estão cada vez mais exigentes, são desconhecedores dos seus deveres, porém exigem que seus direitos sejam cumpridos à risca, mediante esta situação, a qualidade e excelência da prestação do serviço, deixou de ser um diferencial na saúde, tornando-se um requisito fundamental para se manter no mercado.

Outro grande desafio na saúde é garantir os investimentos necessários em inovação, tecnologia da informação e segurança, tanto nos processos de informatização e integração dos sistemas, como na aquisição de produtos e equipamentos avançados que contribuem para a qualidade da assistência e eficiência dos resultados esperados pelos stakeholders.

Para a execução de todas essas ações é necessário possuir um controle minucioso nos custos, enxugar cada vez mais os processos, reduzir os desperdícios e custos fixos das instituições.

Garantir que toda essa engrenagem funcione sem manutenções preventivas e falhas é praticamente impossível.

Pensando no desafio anterior, qual é a melhor ferramenta para manter o funcionamento dessa engrenagem a todo vapor?

Ao contrário do que muitos pensam, essa busca pelas melhores práticas não é realizada somente através do Benchmarking dentro da própria área da saúde.

Os Hospitais de referência em serviços e gestão buscam ferramentas de aplicação das melhores práticas de processos utilizadas pelas indústrias, que após adaptações, são aplicados na área da saúde.

Para garantir o andamento do planejamento estratégico e atingir os resultados esperados os hospitais têm estruturado seus processos através da criação de projetos.

Os projetos são norteados através do Project Managent Institute (PMI), Instituto de Gerenciamento de Projetos, muito utilizado pelas indústrias, onde um conjunto de normas, técnicas e parâmetros são aplicados no projeto.

O gerenciamento de projetos é executado através do Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (PMBOK), essa competência estratégica dentro das organizações, possibilita unir os resultados dos projetos com o objetivo do negócio, sendo um importante instrumento para a competividade no mercado.

A práticas deve ser aplicada e integrada em um macroprocesso que deverá ser dividido em 5 processos:

• Processo de iniciação;
• Processo de planejamento;
• Processo de execução;
• Processo de monitoramento e controle;
• Processo de finalização

Para manter o controle dos processos do projeto é necessário a criação de áreas de apoio de processo de gestão, que possam garantir a execução das atividades do macroprocesso.

Segue abaixo a relação de algumas áreas do gerenciamento de projeto:

• Integração- responsável pela direção e gerenciamento do projeto;
• Escopo- responsável pela execução das atividades necessária para o alcance do resultado;
• Tempo- responsável pela execução das atividades no prazo previsto;
• Custo- assegurar a execução das atividades no orçamento previsto;
• Qualidade- realizar o projeto dentro da qualidade esperada;
• Recursos Humanos- recursos humanos necessários para execução do projeto;
• Riscos- responsável pelos possíveis riscos envolvidos no projeto;
• Aquisições- compras de produtos que possam envolver o projeto.

Para que o projeto tenha sucesso é necessário que todos os processos possuam integração entre si, que ocorra o envolvimento de todas as áreas, mesmo aquelas que não estejam diretamente envolvidas no projeto.

É extremamente importante que o responsável pelo projeto atue de forma efetiva no grupo de aquisição, uma vez que uma compra má sucedida poderá impactar em todas as fases do projeto, inviabilizando a execução do mesmo.

É importante ressaltar que esta é somente a estrutura básica de um processo de gestão dos projetos, pois cada atividade dos grupos citados envolve desdobramentos a novos processos não sendo possível descrever em um único texto.

Até a próxima!

Compartilhe!
  • Tarik

    Boa noite

    Eu gostaria de saber se 1 estrangeiro fora do Brasil pode ter acesso a esta ferramenta.
    Obrogado