Educacional

37º Congresso Brasileiro de Pediatria

Por Roberta Massa B. Pereira | 04.09.2015 | Sem comentários

37º Congresso Brasileiro de Pediatria reunirá cerca de 270 palestrantes e conferencistas brasileiros e internacionais no Rio de Janeiro

Evento, que acontecerá no Riocentro, conta com uma programação científica abrangente, mais a realização de dois simpósios e o Fórum Internacional de Educação Pediátrica

Saúde, Educação e Esporte são os temas centrais do 37º Congresso Brasileiro de Pediatria (CBP), que acontece entre os dias 12 e 16 de outubro, no Riocentro, na capital fluminense. O evento, realizado pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) em parceria com a Sociedade de Pediatria do Rio de Janeiro  (SOPERJ), contará com cerca de 270 palestrantes e conferencistas, entre convidados brasileiros e estrangeiros. Com uma programação científica abrangente, com palestras, conferências e mesas-redondas que contemplam diversos temas relacionados às áreas de atuação do pediatra, o Congresso terá ainda dois eventos paralelos: o Simpósio Internacional de Dermatologia Pediátrica (Dermaped) e o I Simpósio de Medicina do Adolescente, além do I Fórum Internacional de Educação Pediátrica, que reunirá lideranças de países da América do Sul, Estados Unidos e da Europa, para debater o novo Currículo Pediátrico Global. A expectativa de público é de cerca de cinco mil profissionais da especialidade médica.

A programação científica foi preparada pelos Departamentos Científicos da SBP e da SOPERJ, que são compostos por professores e especialistas de diferentes áreas, que atuam no sentido de produzir conhecimento para atualização e reciclagem do pediatra. Assim, os temas abordados atendem as demandas da Medicina voltada para crianças e adolescentes do século XXI, desde o recém-nascido e até os 19 anos. “Os avanços científicos em termos de promoção de saúde, prevenção e assistência ao paciente que serão apresentados vão permitir aos participantes a troca de experiências e interação em importantes aspectos da especialidade”, explica Eduardo da Silva Vaz, presidente da SBP.

Entre os temas que serão abordados na programação científica estão insuficiência e deficiência de vitamina D e massa óssea; vitaminas e imunidade; adolescente com doença crônica; genética; morte súbita na infância; triagem neonatal; prevenção da aterosclerose; prevenção de acidentes para crianças e adolescentes; o estresse e a queda de imunidade; atividades físicas; imunodeficiências; emergências urológicas; atenção à criança em risco de violência familiar; doenças neurológicas; alimentação saudável; o doente crônico e os cuidados paliativos; novos desafios da puericultura; e uso racional de antibióticos, entre outros.

“Durante o 37º CBP vamos falar sobre a prevenção e o tratamento das patologias mais prevalentes em crianças e adolescentes, e salientar temas como saúde mental e bem-estar físico e emocional. O objetivo é que o paciente como um todo seja visto pelo pediatra; vamos discutir a importância do cuidado com a criança, com vistas ao futuro, para que o adolescente e o adulto de amanhã tenham mais saúde. Também vamos debater questões como o atendimento ambulatorial de puericultura na rede privada”, comenta Edson Ferreira Liberal, presidente do Congresso.

O 37º CBP também abre espaço para apresentação de trabalhos inéditos em pesquisas científicas em 28 áreas, que incluem amamentação, adolescência, infectologia, pediatria do comportamento e desenvolvimento, reumatologia e pneumologia, entre outras. Ao todo, mais de 1,4 mil trabalhos acadêmicos já foram inscritos.

I Fórum Internacional de Educação Pediátrica 

A importância das entidades médicas para a qualidade da educação profissional do País é o tema da conferência que abrirá o I Fórum de Educação Pediátrica, evento de cunho internacional que acontece no dia 14 de outubro e que tem como objetivo debater o novo cenário para o exercício da pediatria no século XXI. Participarão do encontro, especialistas da Argentina, Chile e Bolívia, países, que, assim como o Brasil, integram o Fórum Permanente das Sociedades de Pediatria do Cone Sul (Fospecs), e dirigentes do Global Pediatric Education Consortium (GPEC), consórcio mundial que reúne diversas entidades de diferentes países, como a Academia Americana de Pediatria, o Colégio Real de Pediatria e Saúde da Criança, do Reino Unido, e a SBP, entre outras.

O GPEC atua de forma a criar normas comuns para a formação e avaliação de pediatras, com o objetivo de promover a melhoria da qualidade da assistência médica prestada aos bebês, crianças e adolescentes em todo o mundo.

Dois destaques do Fórum serão o novo Currículo Pediátrico Global e a Residência em Pediatria de três anos. “Vamos discutir a nova formação, que já está sendo implantada no Brasil, na Argentina e no Paraguai”, explica Eduardo Vaz, presidente da SBP. Ele ressalta ainda que o intuito da agenda é projetar e consolidar importantes avanços em favor da formação qualificada do pediatra atendendo às demandas da sociedade moderna e globalizada.

Eventos paralelos

O Simpósio Internacional de Dermatologia Pediátrica, que acontece nos dias 12 e 13 de outubro, é um dos eventos paralelos ao Congresso.  O encontro reunirá especialistas brasileiros e de países como Inglaterra, Estados Unidos, Argentina e Peru, para discutir diferentes tipos de doenças de pele comuns na infância, como dermatoses, lesões vasculares e dermatite atópica, entre outras.

Segundo a presidente do Simpósio, Kerstin Taniguchi Abagge, as doenças de pele representam 20% das queixas recebidas por pediatras em consultório. Um dos destaques do evento é a conferência internacional sobre a base genética da dermatite atópica e a melhor forma de manejo, que será apresentada pelo professor em dermatologia pediátrica do Institute of Child Health,  da University College London, John Harper.

Já nos dias 14 e 15, será realizado o 1º Simpósio de Medicina do Adolescente. Com caráter multidisciplinar, o encontro dará aos participantes a oportunidade de troca de experiências e aquisição de novos conhecimentos. A programação científica contempla temas abrangendo as áreas de Saúde, Educação e Justiça. Entre os destaques do Simpósio estão as mesas-redondas Avanços na condução de casos de excesso de peso na adolescência, Sexualidade e saúde reprodutiva na adolescência, e Redução da Maioridade Penal.

Mais informações sobre o evento no site http://www.cbpediatria.com.br.

Fonte: SB Comunicação

Compartilhe!