Saúde

Gincana Socioambiental IBCC arrecada quase 100 kg de anéis de lata e contempla ONG

Por Roberta Massa B. Pereira | 05.09.2018 | Sem comentários

Durante pouco mais de um mês o IBCC (Instituto Brasileiro de Controle do Câncer), promoveu uma Gincana socioambiental para arrecadação de anéis de lata para contemplar o projeto Lacres do Bem, da ONG Abraço.

O objetivo é beneficiar pessoas que aguardam por cadeira de rodas e próteses e se encontram em vulnerabilidade social.

A iniciativa foi do Grupo de Trabalho Humanizado – GTH que propôs a divisão de quatro equipes para fomentar a participação de todos em prol do bem estar de quem precisa.

As equipes verde, amarelo, azul e branco, juntas, arrecadaram 97,915 kg de anéis de lata.

Em primeiro lugar ficou a equipe azul representada pelos profissionais da área de Apoio com 32,325 kg arrecadados.

“O IBCC sempre teve essa preocupação em oferecer não só o máximo em saúde a seus pacientes, mas contribuir de forma sustentável para uma sociedade livre de doenças.

A gincana tem por finalidade sensibilizar e comprometer os profissionais para atuarem como multiplicadores de informações, processos e comportamentos sociais e sustentáveis”, afirma a diretora de serviços administrativos do IBCC, Carla Petreca.

Durante apresentação dos resultados da Gincana, Elisa Toda, representante da ONG Abraço e pelo projeto destacou a importância dessa sensibilização social para com as pessoas que precisam.

“Independente do vencedor hoje temos vitoriosos que se empenharam e se dedicaram com arrecadações importantes que nos fazem pensar como podemos fazer a diferença com simples gestos”, destacou Elisa.

Fabiana Gasparotti, Técnica em Enfermagem, aos 34 anos em 2017 teve dengue seguida de meningite num hospital em São Paulo.

No anfiteatro do IBCC profissionais prestigiaram os resultados da Gincana.

Ela precisou das próteses e foi contemplada pela ONG “A gente cuida e nesse momento se depara precisando ser cuidada, é muito difícil a aceitação.

No meu caso que tenho uma filha nova, só pensava na aceitação dela, mas ela aceitou, minha família e eu superamos juntos.

Minha filha hoje representa meus braços e minhas pernas”, destaca Fabiana

De acordo com a ONG para conseguir as 4 próteses foram necessários 42 mil garrafas pet de 2 litros.

Diego Pereira, auxiliar administrativo – que atua no faturamento do IBCC, é o marido de Fabiana e conta que a solidariedade ultrapassou as fronteiras e receberam doações do mundo todo.

Ele agradeceu o empenho dos profissionais do IBCC na época e diz sentir orgulho pela continuidade da campanha. 

IBCC na lista dos Hospitais Verdes e Saudáveis

Desde 2017 que o IBCC recebeu o prêmio como reconhecimento pelas iniciativas ambientais da Rede Global de Hospitais Verdes e Saudáveis.

Um hospital verde e saudável é aquele que promove a saúde pública reduzindo continuamente seus impactos ambientais e eliminando, em última instância sua contribuição para a carga de doenças.

Em 2017 o IBCC reciclou 54.484 kg de resíduos produzidos.

Os anéis de lata tratam-se de alumínio, considerado um material 100% reciclável, pois não se degrada no processo de reciclagem, desta forma, ele tem aproveitamento integral da quantidade reciclada.

O Brasil é um dos países que mais reciclam latinhas.

“Pensando na sustentabilidade, em 2017 o IBCC promoveu Oficinas de Criação com os frascos de Álcool Gel, Oficina de Terrário com potes reciclados, confeccionou 661 sacolas com material SMS provenientes do Centro Cirúrgico, CME e Radioterapia para uso em eventos.

A reciclagem foi utilizada em atividades de Terapia Ocupacional com pacientes das Unidades Mooca e Jaçanã e em ações internas para profissionais, como na SIPATMA”, finaliza Renata Conceição, coordenadora administrativa e responsável pela Gestão Ambiental no IBCC.

Fonte: Assessoria de Comunicação IBCC – 05.09.2018.

Ebook Lean Six Sigma em Saúde, baixe agora o seu

Ebook Lean Six Sigma em Saúde

Compartilhe!