Tecnologia

GE Healthcare é eleita a melhor companhia de Monitorização de Pacientes

Por Roberta Massa B. Pereira | 11.03.2016 | Sem comentários

Publicidade

A GE Healthcare foi eleita, pelo segundo ano consecutivo, como a melhor companhia do ano para a Monitorização de Pacientes.

O prêmio, promovido pelo grupo americano “The New Economy” reafirma o pioneirismo da companhia em iniciativas inovadoras na indústria da saúde, auxiliando pacientes, médicos e cuidadores a avançar no cuidado ao paciente.

Pierre Delzac, diretor de Marketing de Monitorização de Soluções da GE Healthcare, ressalta que a companhia continuamente desenvolve soluções para adequar-se ao cenário de saúde que está constante em transformação. “O desenvolvimento da computação em rede e a miniaturização de sensores e tecnologia sem fio têm o potencial de criar possibilidades de monitorização inteligente e oferecer suporte aos cuidadores em impulsionar a qualidade e eficiência do atendimento ao paciente em ambientes desafiadores”, comenta.

No centro do portfólio da companhia está o Predix, a plataforma de software da GE baseada na Internet das Coisas. Ao conectar máquinas, dados e pessoas, a tecnologia representa o modelo necessário ao setor de saúde para fornecer um cuidado de qualidade a um grande número de pacientes e em um ambiente mais restrito e de recursos limitados.

O crescimento no negócio de soluções em monitorização conta com uma capacidade de realizar uma produção contínua de tecnologias inovadoras, focadas nas necessidades dos clientes e em entregar resultados melhores e mais produtivos.

Por meio dessas tecnologias, a GE pretende estender o alcance da monitorização de pacientes em ambientes de enfermaria, onde a depressão respiratória é detectável e em muitos casos, evitável.

A tecnologia é conectada ao paciente e transmite informações para a central de monitoramento, possibilitando que os funcionários do hospital programem alarmes inteligentes para informá-los sobre o estado do paciente. Nesse momento, é visivelmente estabelecido que o monitoramento contínuo nas enfermarias aumentaria a segurança dos pacientes por descobrir eventos inesperados antecipadamente.

Além disso, as soluções da GE Healthcare tem o potencial de auxiliar os médicos em suas decisões dentro das UTIs, fornecendo dados sobre a dosagem certa de sedativos para o paciente e, dessa maneira, evitando episódios de parada respiratória ocasionados por uma administração equivocada desses medicamentos.

A expectativa é de que a introdução de um monitoramento contínuo baseado na tecnologia sem fio ajude a reduzir as readmissões dos pacientes às UTIs, além de encurtar o período da internação.

Fonte: Hospitais Brasil – 11.03.2016

Compartilhe!