Tecnologia

Apple anuncia aplicativo de saúde CareKit

Por Roberta Massa B. Pereira | 21.03.2016 | Sem comentários

Publicidade

A Apple anunciou nesta segunda-feira, 21, o CareKit, uma nova estrutura de software projetado para ajudar os desenvolvedores a criar programas onde as pessoas possam gerir ativamente as suas próprias condições médicas.

Com uso dos aplicativos no iPhone, o CareKit procura tornar mais fácil para as pessoas a manter o controle do planejamento da saúde, monitorar sintomas e medicamentos, fornecendo insights que ajudam as pessoas a entender melhor sua própria  condição física.

Com a capacidade de compartilhar informações com médicos, enfermeiros ou membros da família, os apps CareKit vão ajudar as pessoas a terem uma atitude mais ativo na sua saúde.

“Estamos entusiasmados com o impacto desse novo kit de desenvolvimento e sobre o ritmo crescente pesquisa médica em geral e termos percebido que muitos deles poderia ajudar ao atendimento individual”, disse Jeff Williams, chefe de operações da Apple. “Acreditamos que dar aos indivíduos as ferramentas para compreender o que está acontecendo com a sua saúde é incrivelmente poderoso, e aplicativos projetados usando CareKit tornar isso uma realidade, por capacitar as pessoas a assumir um papel mais ativo em seu cuidado.”

O CareKit está sendo lançado como um framework open source no mês que vem,  com módulos projetados pela Apple, que incluem:

Cartão de cuidados  – ajuda as pessoas a acompanhar os seus planos de saúde individuais e itens de ação, tais como tomar a medicação ou completar exercícios de fisioterapia.

As atividades podem ser automaticamente rastreados pelo IPhone, inclusive usando sensores do Apple Watch;

Sintoma e Mensuração –  rastreador permite que os usuários facilmente gravem seus sintomas e como eles estão se sentindo, como controle da temperatura por possíveis infecções ou mensurar a dor ou fadiga. Atualizações de progresso poderia incluir pesquisas simples, fotos que captam a progressão de uma ferida ou atividades calculadas usando acelerômetro e giroscópio do iPhone, para por exemplo, quantificar a amplitude de movimento;

Visão Painel  –  mapeia sintomas comparando com os itens de ação no cartão de cuidados, mostrando facilmente como se tratamentos estão a funcionando;

Ligue  –  torna mais fácil para as pessoas a compartilhar informações e se comunicar com os médicos, equipes de cuidadores ou membros da família, informando sobre a sua saúde e qualquer mudança na condição das mesmas.

“Esperamos que CareKit possa nos ajudar a fechar a lacuna entre nossos resultados de pesquisa e como cuidar de nossos pacientes com Parkinson no dia a dia.

Está abrindo toda uma nova oportunidade para a democratização da investigação e da medicina.” , disse Ray Dorsey, professor de Neurologia da Universidade de Rochester Medical Center.

Os desenvolvedores de aplicativos de saúde e bem-estar estão animados para construir aplicativos usando CareKit para os doentes de Parkinson, medir do progresso pós-operatório, monitorar saúde em casa, gestão de diabetes, saúde mental e saúde materna.

Fonte: Fórum Saúde Digital- 21.03.2016

 

Compartilhe!