Carreiras

O que muda para os futuros médicos? Entenda o que é a ANASEM

Por Roberta Massa B. Pereira | 12.05.2016 | Sem comentários

Publicidade

A partir deste ano não são apenas os formandos em Direito que precisam passar por uma avaliação para exercer a profissão.

Os residentes em Medicina também terão que passar por uma prova para validar os conhecimentos adquiridos na universidade.

Batizada de ANASEM (Avaliação Nacional Seriada dos Estudantes de Medicina), ela impede o estudante de obter o diploma se não atingir a nota de corte no sexto ano.

O tema, contudo, ainda suscita dúvidas aos alunos e profissionais de saúde. Confira mais detalhes:

O que é

Anunciada pelo MEC em abril de 2016, a avaliação foi instituída para atestar os conhecimentos e habilidades adquiridos pelos estudantes. Ela vai ser realizada de dois em dois anos, ou seja, para as turmas presentes no segundo, quarto e sexto ano de graduação. A prova é responsabilidade do INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) e será componente curricular obrigatório para todos os cursos de medicina no país.

Objetivos

A principal meta da ANASEM é realizar um monitoramento contínuo da qualidade dos cursos de graduação em Medicina, acompanhando a evolução das notas e os pontos que devem ser melhorados na grade curricular. Além disso, a longo prazo, a expectativa é elevar a habilidade dos médicos brasileiros.

Método de avaliação

A prova será composta por duas etapas: valiação escrita e a de habilidades clínicas. Os estudantes do segundo e quarto ano participarão como “ouvintes”, respondendo questões que aprenderam até aquele momento. No último ano a avaliação será eliminatória para todos.  A nota de corte vai ser estipulada por uma comissão de médicos.

O que muda

O principal impacto, evidentemente, é o embargo do diploma para aqueles que não atingiram a nota mínima. Isso exige mais seriedade e dedicação dos alunos durante a graduação. A reprovação no exame também impede o ingresso em um programa de residência médica.

Como se preparar

Ainda que a ANASEM tenha sido instituída a pouco tempo, o ideal para os alunos é se anteciparem e já idealizarem um planejamento de estudos para os próximos meses. Com uma estratégia bem definida, é possível revisar e se aprofundar em assuntos importantes, ficando mais preparado e tranquilo para o dia da prova.

* Roberto Rondon é sócio-fundador da VP Concursos, empresa que oferece consultoria e treinamento personalizado para concursos públicos e exames

Fonte: NbPress-12.05.2016

Compartilhe!